A Clínica We Love Cat faz a microchipagem de gatos em Brasília

O sumiço do bichinho de estimação é sempre desesperador para seus tutores. Algumas formas de segurança ajudam a evitar ou a resolver essa situação. O que muitas pessoas ainda não sabem, é que existe um microchip muito eficaz. Ao ser implantado pelo veterinário autorizado, ele garante maior segurança para o animal por apresentar os dados dele a quem encontra, por exemplo. 

No caso dos gatinhos, a microchipagem é uma solução ainda mais interessante, já que os felinos conseguem fugir de casa com facilidade. Não se trata de um GPS, ele é um mecanismo apenas para identificação do animal.

É um chip pequeno, do tamanho de um grão de arroz. O implante é muito fácil, apenas um pequeno incômodo para o animal, quase como uma vacina. Ele é colocado sob a pele. 

No chip são inseridas informações sobre os tutores do gato ou cachorro. Esses dados podem ser acessados pelo veterinário que possui a leitora de chip.

Viagens e mudanças

A microchipagem é obrigatória para levar seu animal em viagens internacionais e, em alguns anos, deve ser obrigatória para viagens nacionais também. 

Muitos tutores procuram a clínica também para implantação do chip em seu animal quando eles mudam de endereço.

Em países da Europa como a Irlanda, por exemplo, o chip é obrigatório em todos os cães e gatos. Os tutores podem ser multados caso não levem o animal para implantação.

Roubos

Em casos mais graves como roubo, se o gato ou cão é vendido para um terceiro que não sabe a procedência do animal, o chip auxilia a esse novo tutor em uma consulta sobre o histórico do animal. Basta procurar ajuda de um veterinário que tem autorização e acesso ao leitor do microchip.

Nós da Clínica We Love Cat somos autorizados a fazer o implante do chip. Todas as nossas instalações seguem as especificações internacionais de qualidade Cat Friendly Practice da American Association of Feline Practitioners (AAFP).

WhatsApp Fale conosco no WhatsApp